Apresentações de impacto para executivos

Olá, Speaker!

Saber se comunicar com maestria é um dos pilares para o sucesso dentro do mundo corporativo. Estar preparado para falar em público e ir além, realizando um discurso impactante, pode promover a vida profissional a patamares maiores.

Dominar a atenção do público, conquistar e transmitir a mensagem de maneira elegante e marcante conduz a um nível diferenciado de percepção daquilo que se deseja transmitir.

É um desafio grande e temido por muitos, e vencer o medo de falar em público e dominar a arte da oratória é crucial para a performance da liderança, pois mesmo que se possua vasto conhecimento, se não souber comunicar sua ideia, será mais árdua a tarefa de conquistar e atrair as pessoa, organizando-as para objetivos específicos.

Um orador de qualidade é aquele que, com métodos adequados à cada plateia, sabe superar o “frio na barriga”, usa corretamente a entoação da sua voz, tem uma postura adequada, gesticula de maneira apropriada, ao mesmo tempo que tem simplicidade e clareza na fala que cativa o público-alvo.

A seguir apontaremos algumas dicas para que suas apresentações sejam impactantes. Vamos lá?

Planejamento do início à conclusão

Antes de planejar sua apresentação, é importante que você tenha estudado bastante o assunto, lendo livros, pesquisando em artigos confiáveis, na internet e veja até filmes se necessário, além de buscar entender as possíveis diferentes visões e o tipo de público.

Tudo se torna ainda mais enriquecedor se, além do conhecimento teórico dominado, o palestrante tenha a vivência prática do tema que abordará. As palavras serão como imagens sendo reveladas gradualmente na mente do seu público.

A elaboração do planejamento deve possuir uma boa organização sobre introdução, desenvolvimento e conclusão. É importante que o público seja conduzido racionalmente e consiga fazer essa ponte que interliga as partes da apresentação até sua conclusão de maneira inteligente e perspicaz.

Mantenha a objetividade para que seja protegida a linha de raciocínio de entendimento do público. Cuidado com devaneios e rodeios.

Observe se a maneira como se expressa é condizente com a capacidade de entendimento da plateia sobre o tema abordado na sua apresentação, principalmente se houver muitos termos técnicos. Se você fala para um público leigo, sua apresentação precisa considerar isso.

Por isso, esteja certo de estar levando em conta quem são as pessoas que assistirão sua apresentação.

Selecione os pontos primordiais e essenciais que não poderão ficar de fora, que são importantes e precisam ser reforçados. Lembre de respeitar o tempo. Sempre!

Não há nada pior do que gastar muito tempo na introdução, pouco no desdobramento e nenhum na conclusão.

Mensagem, audiência e meio

A comunicação precisa ser condizente com o perfil do público. Sua mensagem produzirá uma consequência ou uma ação, por isso esteja claro sobre objetivo que você quer alcançar com a apresentação.

Tenha conhecimento do local onde será feita a apresentação, pois o ambiente influenciará na dinâmica da mesma.

Tempo de apresentação e conteúdo

E reforçando o que eu disse antes, o conteúdo precisa estar cadenciado com o tempo disponibilizado para apresentação, e isso é crucial, pois facilitará a condução sem atropelos e respeitará o seu público.

Lembre-se de dedicar algum tempo para considerações da plateia caso seja uma apresentação com esse tipo de envolvimento.

Utilização de tecnologia e recursos audiovisuais

Softwares de apresentação e vídeo podem ser usados, porém é essencial que se teste tudo antes da apresentação para que erros sejam arrumados de forma preventiva.

Saiba que uma apresentação dinâmica entretém mais a plateia, e a utilização de tabelas, gráficos, imagens, diagramas, músicas, vídeos e slides são recursos valiosos para conduzir um tema numa apresentação, desde que estes complementem e aprofundem a percepção da mensagem e não sejam um fator de distração.

Fale com segurança e elegância

Demonstrar segurança é o ponto de partida e uma apresentação de impacto.

Para tornar a apresentação memorável será necessário trabalhar a postura, a voz, o olhar e a expressividade.

Controlar a velocidade de como se fala é extremamente importante, por isso mantenha a respiração tranquila, expirando sempre pelo nariz.

A respiração contribui demasiadamente para uma comunicação clara, bem-feita, limpa e compreensível, sem atropelos.

Essas técnicas servem para conduzir uma comunicação com naturalidade, e é importante que não pareça forçado, pois isso definitivamente será percebido pelo seu público e pode desviar a atenção.

Expressão corporal

Ansiedade, nervosismo e tensão são manifestados tanto através da fala, quanto da respiração e da nossa linguagem corporal.

Trabalhar pontos para desenvolver sua autoconfiança, movimentação sutil das mãos, direcionamento do olhar para plateia, postura ereta e natural, fala tranquila, expressiva e com propriedade do assunto, demonstrarão sua segurança e confiança.

Alguém despreparado é facilmente identificado pelo público, que tende a perder o interesse rápido tão logo isso seja identificado.

Busque criar empatia e conexão com o público. Na psicologia isso é chamado de Rapport.

Certifique-se de que o público tem suas expectativas atendidas e que estão sendo influenciados pelos seus pontos de vista de forma racional e interessante.

Vestimenta e estilo pessoal são diferenciais importantes. O mix de todas essas características que mencionamos configura o fator de impacto, que fará sua apresentação uma experiência positivamente marcante. Adeque sua apresentação ao seu estilo pessoal e pontos fortes da sua personalidade. Você não precisa ser outra pessoa.

Sorria, controle-se, não sobrecarregue a plateia com excessos de informação e não extrapole o tempo. Antecipe possíveis perguntas no planejamento da apresentação.

Faça um fechamento com emoção e frase de impacto

Fazer uma boa conclusão é encerrar com chave de ouro. Ela é necessária para quem ouve, porque provoca o reconhecimento de que o tempo desprendido valeu a pena e que o conteúdo trouxe soluções.

Reforce os pontos altos do tema e evidencie sua conexão com os ouvintes.

Capriche nesse momento, utilize reflexões, mensagens motivadoras e frases de efeito com bom senso.

Conclusão

Seja espontâneo e amistoso, mantenha um ritmo, ensaie muito a apresentação, seja objetivo e claro, mantenha sua originalidade, mantenha sua respiração calma, não sinta medo de errar.

E saiba que o domínio de uma exposição de fala não é um dom, mas uma habilidade que pode ser aprendida, desenvolvida e aprimorada infinitamente.