A evolução do discurso: por que falar em público hoje já não é o mesmo que antes?

Oi, Speaker!

Pense nas novelas e/ou filmes de época aos quais assistiu: é notável a grande diferença que existe na maneira como as pessoas se comunicavam antes e agora, não é mesmo?

E não me refiro apenas à linguagem, mas também à variação dos tons de voz, ao ritmo da fala e a tantos outros aspectos que são muito distintos do que vemos atualmente.

Isso acontece porque a comunicação não é um fenômeno estático. Ela muda, se reinventa, se adapta… tudo isso à medida que nossos costumes se alteram e se reconstroem.

Nesse sentido, falar bem em público também não é o mesmo que antes. Aliás, vivemos uma etapa de profundas modificações quanto a isso, quanto ao que faz de alguém um bom comunicador.

É justamente sobre isso a nossa conversa de hoje. Siga a leitura e informe-se!

A evolução do discurso: o que era falar bem tempos atrás?

Vamos fazer uma viagem ao passado, quando a oratória já era reconhecida como uma das ciências principais. Naquele período, falar em público era algo restrito a um grupo seleto de pessoas. Eram pessoas detentoras de poder – geralmente aquisitivo.

Falar bem em público, naquele momento, era bem diferente do que é hoje. É fato que o poder de persuasão já tinha um protagonismo significativo desde essa época, mas, justamente por ser uma atividade destinada a poucos, a expressão oral era distinta.

Aliás, a ideia de que falar bem é um dom vem muito dessa história. Por sorte, hoje, já sabemos que não é um dom, mas uma habilidade que todos podem desenvolver e aprimorar através da informação e prática constantes.

A era dos palcos: como foi o boom das apresentações em público?

Com o passar do tempo, falar em público deixou de ser um privilégio e passou a ser um requisito. Os profissionais que desejam ascender em suas carreiras precisam – sim ou sim – desenvolver habilidades de comunicação, incluindo a de falar em público.

Nesse momento, a comunicação já passou a ser reconhecida como algo intrínseco à liderança. Isto é, um bom líder deve saber se comunicar bem, de um modo acessível, atrativo e inspirador.

A comunicação não se resume apenas às apresentações em público. Outras situações de exposição de fala, como reuniões e entrevistas, também demandam saber se expressar bem.

Contudo, nessa etapa, as apresentações em público passaram por um boom, principalmente relacionado às conferências, como a TEDx. Aqui, encarar uma audiência e fazer uma boa exposição oral são requisitos centrais.

Comunicação digital: o que significa ser um bom comunicador hoje?

Falar em público nos palcos ainda é uma competência de grande relevância, mas, agora, há outra habilidade que também precisa ser desenvolvida por quem quer se tornar um bom comunicador.

Que habilidade é essa? A de saber se expressar no ambiente virtual. Lives, vídeos, áudios, reuniões online, trabalho remoto: tudo isso passou a ter um grande protagonismo, especialmente depois da pandemia do Novo Coronavírus.

Mudanças contemporâneas vieram para ficar e, por isso mesmo, é indispensável saber se comportar e lidar com situações de exposição de fala no ambiente online. Isso é válido para profissionais de todas as áreas: vendas, educação, negócios, saúde…

Para ser um profissional completo hoje em dia, estar familiarizado com ferramentas e plataformas digitais é fundamental. Para líderes, essa necessidade é ainda mais nítida, afinal, deles depende – e muito – a comunicação interna de suas empresas e marcas.

Por que falar em público hoje não é o mesmo que antes?

Voltemos à pergunta central deste artigo: afinal, por que falar em público não é o mesmo que antes?

A resposta é, ao mesmo tempo, simples e complexa: porque o mundo (e as pessoas que dele fazem parte) muda constantemente. Novas tecnologias, novos tempos de consumo e produção de informações, novas ambições, nova pressa.

A comunicação, incluindo o que significa falar bem, depende diretamente das mudanças que as sociedades vivenciam. Por isso, aos comunicadores, cabe estar sempre atento às modificações, em um aprimoramento constante de habilidades.

Ao se tratar da comunicação, o que, hoje, é completamente certo, em alguns anos, pode não ser tão eficaz. Logo, é preciso um olhar atento e permanente sobre as mudanças e tendências desse universo.

Conheça as novas mentorias The Speaker!

Diante de tantas modificações na maneira como nos comunicamos – e, claro, nas exigências do ambiente profissional quanto à comunicação – desenvolvemos duas mentorias online: a Speaker Digital e a Speaker Premium.

Essas mentorias são direcionadas para a comunicação digital, com a intenção de auxiliar profissionais a se adaptarem a esse novo formato, cada vez mais protagonista. Vejamos um pouco das duas mentorias:

·       Speaker Digital

Na mentoria online Speaker Digital, você terá acesso ao conteúdo sobre os pilares da comunicação para acessar quando e onde quiser. Além disso, poderá participar das sessões de mentoria online ao vivo para esclarecer eventuais dúvidas.

Para treinar a parte prática, enviaremos uma série de desafios, que incluem, por exemplo, gravação de vídeo para receber o feedback dos colegas de mentoria!

·       Speaker Premium

No Speaker Premium, você terá acesso a tudo o que está incluído na mentoria digital, da qual falamos anteriormente. Mas, além de tudo isso, também terá sessões de acompanhamento individual com um profissional The Speaker.

Ao analisar aspectos (como gestos, assertividade e expressão vocal, por exemplo), esse profissional The Speaker poderá fazer um balanço da sua evolução no curso. É uma ferramenta importante para seguir aprimorando a sua comunicação.

 

Para saber mais sobre as mentorias e fazer a sua inscrição, fale com a nossa equipe! Te esperamos!

 

Clique para dar sua nota!
Avaliações: 0 - Avaliação média: 0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *