Coaching de comunicação e oratória: como é e para quem é indicado?

Hello, Speaker! Tudo bem?

Uma das expressões que mais cresceram nos últimos tempos é “coaching”, não é verdade?

Afinal, ter o acompanhamento de um profissional para diferentes áreas de desenvolvimento se tornou uma alternativa cada vez mais procurada. Com a oratória, isso não é diferente.

As habilidades de comunicação são decisivas para o crescimento de um profissional. Sem saber se expressar bem nos vários contextos e plataformas, é muito difícil ascender, seja qual for o seu nicho, cargo ou profissão.

Mas o que é um coaching de comunicação e oratória? Para quem está indicado? Será que esta é uma boa solução para você? Siga a leitura e descubra!

Coaching de comunicação e oratória: o que é?

Coaching, seja de comunicação ou não, é o acompanhamento profissional, geralmente individualizado, para desenvolver algum tipo de habilidade. É, na prática, um tipo específico de treinamento.

Quando se trata da comunicação e oratória, o coaching é o processo orientado para aprender, desenvolver e lapidar as principais competências da comunicação, entre elas:

– Falar em público com eficácia

– Dominar a linguagem não-verbal

– Usar bem a voz

– Ter uma boa performance no online

– Dirigir reuniões e apresentações

– Organizar o conteúdo para uma fala mais interessante

Esses são apenas alguns exemplos de habilidades que são trabalhadas em um coaching de oratória. Por ser um acompanhamento individualizado, o processo é adaptado segundo as necessidades, demandas e urgências de cada pessoa.

Para quem é indicado este tipo de coaching?

Por algum tempo, acreditava-se que desenvolver habilidades de comunicação era uma necessidade de apenas algumas profissões: jornalistas, advogados, apresentadores e outras similares. Hoje, não.

A comunicação faz parte das soft skills, competências subjetivas e que estão intimamente ligadas à inteligência emocional. Essas competências têm, agora, um peso enorme e são algumas das mais requisitadas pelo mercado de trabalho.

Então, um coaching de comunicação é indicado para todos que querem desenvolver a principal habilidade contemporânea: saber se expressar bem. É claro que esta não é a única maneira de desenvolver a oratória, mas tem vantagens que otimizam o processo.

Quais vantagens são essas? Veja a seguir!

Quais as vantagens de um coaching de oratória?

A comunicação é troca. Logo, um treinamento que se debruça principalmente na troca entre duas ou mais pessoas tende a ser muito mais eficiente. Além disso, personalizar o processo agiliza o aprendizado e a eficácia dos resultados.

O coaching geralmente tem um ritmo mais intenso, justamente por ser mais individualizado que outros treinamentos. Nele, o feedback do especialista é ainda mais direto, o que permite conhecer pontos fortes e fracos e impulsionar a aprendizagem.

Alguns dos diferenciais desse tipo de treinamento são, portanto:

– Um acompanhamento individual

– Feedbacks mais recorrentes e diretos

– Um plano de ação personalizado e que considere pontos fortes e fracos

– Maior otimização do processo de aprendizagem

– Adaptação do conteúdo segundo as necessidades e urgências

– Uma troca mais direta entre coach e comunicador

Você viu, então, que a personalização do treinamento é uma das grandes vantagens do coaching de oratória. Isso acontece, speaker, porque a comunicação não pode ser um conjunto de regras engessadas. Tudo é variável e depende de muitos fatores.

No entanto, seja qual e como for o processo de desenvolvimento no coaching de oratória, devem ser trabalhados os pilares centrais da comunicação. Esses pilares são:

  • Expressão vocal

É a maneira como se usa a voz. A expressão vocal tem um peso enorme na comunicação. É preciso saber, por exemplo, dar energia à voz, usar bem as pausas, variar o tom de maneira estratégica e encontrar o ritmo de fala ideal.

  • Expressão corporal

Gestos, postura, enquadramento, contato visual, expressões faciais. Esses e outros fatores fazem parte da dinâmica não-falada. Nós não nos expressamos somente através de palavras. É preciso ter harmonia entre o que se diz e o que se transmite através do corpo.

  • Conteúdo

O conteúdo, por sua vez, é a mensagem em si. É o que é dito à audiência e o como se diz. Aqui, técnicas para organizar a fala são essenciais. Da mesma forma, é fundamental saber adaptar a abordagem segundo o perfil do público.

Um coaching de oratória é ideal para você?

Por tudo o que você viu até aqui, como saber se um coaching de oratória é a melhor solução para aprimorar a maneira como se expressa? Se você está à procura de um acompanhamento personalizado, esta pode ser, sim, uma opção eficaz.

É fundamental, contudo, que o coaching seja feito por especialistas em comunicação. Mas não só isso: especialistas que já têm experiência nesse formato específico e que podem conduzir o coaching da melhor maneira.

Sendo assim, antes de contratar esse tipo de acompanhamento, tenha alguns cuidados:

– Conheça o perfil (e a reputação) da empresa

– Verifique se o coach é, de fato, um especialista em oratória

– Busque opiniões e depoimentos de pessoas que já realizaram o coaching com este profissional

Esses cuidados são essenciais para que você aprenda técnicas realmente eficientes e que se apliquem bem ao seu contexto e desafios próprios do seu dia a dia.

Para saber mais sobre a The Speaker e nossas soluções, entre em contato com a minha equipe! Você pode conferir alguns depoimentos de nossos speakers, conhecer alguns cases e ver qual treinamento é o mais indicado para você!