Comunicação nos relacionamentos

Livia Bello

| CEO The Speaker

Muito prazer, meu nome é Lívia Bello, sou CEO e Fundadora da The Speaker, uma empresa que é referência em comunicação e oratória no Brasil.

Search

Últimos Posts

A resiliência e a oratória

A resiliência é a capacidade de uma pessoa enfrentar adversidades, superar situações de estresse, traumas, tragédias, crises ou problemas, e se recuperar de forma saudável

Ler mais »

Comunicação nos relacionamentos

Olá.  Speakers. Tudo bem com vocês?

A comunicação é um aspecto fundamental em qualquer tipo de relacionamento humano, seja ele romântico, familiar, profissional ou de amizade.

E quando se trata de relacionamentos interpessoais, a qualidade da comunicação pode determinar o sucesso ou a frustração dessas expectativas.

A comunicação é o meio pelo qual as pessoas aprenderam informações, expressam sentimentos, necessidades e desejos, e quando bem conduzidas, podem ajudar a construir relacionamentos saudáveis ​​e duradouros.

Por outro lado, quando a comunicação é deficiente, pode gerar mal-entendidos, conflitos e até mesmo confrontos.

Nesse sentido, é importante desenvolver habilidades comunicativas para aprimorar as relações interpessoais e estabelecer uma mensagem clara, honesta e respeitosa.

A comunicação é um processo complexo que envolve a troca de informações e significados entre as pessoas envolvidas, o que ocorre no âmbito verbal e não verbal.

Nos relacionamentos interpessoais, a comunicação adequada é a base para expressar sentimentos, ideias, necessidades e desejos, além de estabelecer limites e resolver conflitos.

No entanto, nem sempre é fácil se comunicar de maneira efetiva, especialmente quando se trata de assuntos delicados, sensíveis, polêmicos e onde há conflito de interesses entre as partes.

 

Comece aprendendo a ouvir e buscar entender o outro de forma sincera

Uma das principais barreiras para uma comunicação efetiva nos relacionamentos é a falta de habilidade em ouvir. Muitas vezes, as pessoas estão mais preocupadas em expressar suas próprias opiniões do que em ouvir as perspectivas dos outros.

A ansiedade em se fazer entendido pode atropelar o momento da fala do outro, que também pode estar com o mesmo sentimento.

No entanto, a harmonia demanda que as pessoas estejam dispostas a ouvir atentamente o que os outros têm a dizer, sem interromper ou julgar.

Além disso, é importante que a comunicação seja clara e direta, evitando ambiguidades e equívocos. É fundamental que as pessoas expressem seus sentimentos e necessidades de forma assertiva, sem agressividade ou passividade excessiva. A assertividade permite que as pessoas expressem suas opiniões de forma respeitosa e sincera, sem prejudicar os sentimentos dos outros.

Outra habilidade importante na comunicação nos relacionamentos é a capacidade de reconhecer e expressar emoções.

Na maior parte do tempo, os sentimentos estão por trás das palavras e a compreensão dessas emoções pode ajudar a estabelecer uma conexão mais profunda entre as pessoas envolvidas.

Especialmente quando a mensagem vem além das palavras ditas.

É importante que as pessoas expressem suas emoções de forma autêntica e respeitosa, sem minimizar ou desqualificar os sentimentos dos outros.

Uma pessoa sem um certo domínio das emoções, sem a tão valorizada inteligência emocional, torna-se um símbolo de desequilíbrio, intempestividade e pode gerar desconfiança e receio nas pessoas com as quais convive.

É importante também lembrar que a comunicação nos relacionamentos é um processo de aperfeiçoamento contínuo que exige prática e paciência.

É preciso estar disposto a ouvir a aprender com os outros, além de estar aberto a mudanças e ser empático na forma de se comunicar.

A comunicação efetiva nos relacionamentos pode fortalecer a conexão entre as pessoas envolvidas, aumentar a compreensão e o respeito mútuo e ajudar a construir relacionamentos saudáveis ​​e duradouros.

Treinamento em oratória e as relações humanas

Speakers, muitas pessoas me procuram querendo saber como o treinamento em oratória pode ajudar na comunicação nos relacionamentos.

O treinamento em oratória pode ser uma ferramenta valiosa para ajudar na comunicação nos relacionamentos. Embora a oratória seja muitas vezes associada a discursos formais ou apresentações em público, as habilidades desenvolvidas no treinamento em oratória podem ser aplicadas em diversas situações interpessoais.

Uma das habilidades importantes desenvolvidas no treinamento em oratória é a capacidade de falar de forma clara e concisa. Muitas vezes, sem a percepção clara do momento, as pessoas podem se sentir confusas ou desrespeitadas quando a mensagem é transmitida de forma ambígua ou confusa.

Além disso, o treinamento em oratória pode ajudar a desenvolver a capacidade de controlar a ansiedade e o nervosismo na comunicação. Isso é especialmente útil em situações em que uma pessoa pode se sentir intimidada ou desconfortável, como em um conflito ou discussão acalorada.

A habilidade de se manter calmo e focado pode ajudar a evitar que as emoções sejam descontroladas e a comunicação seja prejudicada.

Outra habilidade importante no treinamento em oratória é a capacidade de ouvir ativamente. Isso envolve estar presente e atento ao que o outro está dizendo, além de fazer perguntas pertinentes e fornecer feedback construtivo. Ao ouvir ativamente, a pessoa pode demonstrar respeito e empatia, além de garantir que a mensagem seja compreendida de forma precisa.

Por fim, o treinamento em oratória pode ajudar a desenvolver a autoconfiança e a autoestima, o que pode ser útil em qualquer tipo de relacionamento. Uma pessoa confiante e segura de si tem mais facilidade em se expressar de forma autônoma e assertiva, além de estabelecer limites e expressar suas necessidades de forma clara e respeitosa.

E obviamente, autoconfiança não é arrogância, mas uma convicção e segurança ao mesmo tempo em que se busca as palavras certas, o tom e os gestos mais adequados.

Em resumo, o treinamento em oratória pode ser uma ferramenta útil para desenvolver habilidades de comunicação nos relacionamentos interpessoais, permitindo que uma pessoa se expresse de forma clara, objetiva e assertiva, além de ouvir ativamente e manter a calma em situações emocionalmente mais complicadas.

 

Nosso blog

Últimas postagens

A resiliência e a oratória

A resiliência é a capacidade de uma pessoa enfrentar adversidades, superar situações de estresse, traumas, tragédias, crises ou problemas, e se recuperar de forma saudável

Ler mais »

Plano de treinamento corporativo

O plano de treinamento corporativo é diretamente ligado aos objetivos de aprendizagem e desenvolvimento dos funcionários, assim como às estratégias e recursos necessários para atingi-los.

Ler mais »