Técnicas de memorização para oratória

Livia Bello

| CEO The Speaker

Muito prazer, meu nome é Lívia Bello, sou CEO e Fundadora da The Speaker, uma empresa que é referência em comunicação e oratória no Brasil.

Search

Últimos Posts

Comunicação Magnética

Comunicação magnética refere-se à habilidade de atrair e manter a atenção das pessoas de forma eficaz, fazendo com que se sintam engajadas e conectadas com

Ler mais »

Técnicas de memorização para oratória

Olá, Speakers! Como vocês estão?

No dia a dia, muita gente começa a suar frio só de pensar em ter que memorizar um discurso, uma apresentação ou algumas simples palavras.

Mas o sucesso no exercício de qualquer profissão tem influência considerável de uma boa memória, sobretudo na oratória, onde o orador precisa memorizar e articular ideias dentro de um planejamento rapidamente para que a atenção do público se mantenha ávido e presente e de fato compreenda a mensagem.

A boa notícia é que existem vários métodos e técnicas para aprimorar a memorização que podem ser aplicadas em diferentes contextos.

De fato, uma boa oratória combinada com uma boa memória auxilia o crescimento profissional e beneficia as pessoas, pois torna a comunicação mais eficiente seja com o público ou na liderança de times na empresa.

As técnicas de memorização estimulam a atenção e a concentração através das práticas que ajudam o cérebro a entender a relevância de algumas informações.

Por isso, as técnicas de memorização são especialmente indicadas no contexto da comunicação e oratória, independente do nicho de atuação.

Como funciona a memória?

Speakers, quando falamos sobre memória, falamos sobre a capacidade do nosso cérebro em absorver e armazenar informações. É uma das funções mais complexas do corpo humano.

Para que aconteça a memória, neurônios e células nervosas precisam fazer conexões entre si, ocorrendo as sinapses. O cérebro então escolhe onde levar essa informação.

Essas informações podem ser armazenadas em duas regiões do cérebro, córtex frontal ou hipocampo, e correspondem a memórias de curto prazo e memórias de longo prazo, respectivamente.

E existem vários tipos de memórias com funções específicas e diferentes!

Na oratória abordamos mais a memória declarativa, que é aquela que faz associação de dados, dedução e cria novas informações. Essa memória é utilizada quando você precisa lembrar de algo de forma bastante consciente.

O que é a curva do esquecimento?

Da mesma forma que o cérebro armazena informações, ele também elimina informações, porque nosso poder de armazenamento é limitado. Por esse motivo, lembramos das memórias mais importantes da infância.

Conhecemos como curva do esquecimento, o processo de eliminação de memórias, pelo qual o cérebro passa.

A curva do esquecimento está totalmente relacionada com a utilidade, e justamente por isso o  cérebro dá preferência para as memórias mais recentes e o que é mais utilizado.

Dessa forma, esquecemos aos poucos as informações que não estão sendo utilizadas com frequência.

Memorizar X Decorar

A memorização é um processo que faz o cérebro entender a relevância e importância de uma determinada informação, envolvendo significado quando você memoriza algo.

Porém quando você decora algo, utiliza a reprodução automática e por não ter significado, logo é esquecido assim que não precisar se lembrar mais.

Técnicas de memorização na oratória

Num discurso bem articulado, onde as técnicas de oratória são utilizadas, a memorização irá promover a confiança durante a apresentação.

Independente do contexto, podemos utilizar diferentes técnicas para identificar a que será mais eficiente para cada caso e palestrante.

De forma geral, fazer resumos e esquemas é uma das técnicas mais difundidas para memorização e aprendizado. Incluem-se os mapas mentais, palavras-chave, esquemas de conceitos, uso de resumos e considerações próprias.

Fazer associação dos conceitos é uma outra técnica para aprimorar a memorização, bem como, fazer associações visuais e engraçadas, relacionando os conteúdos com situações bem-humoradas do dia a dia.

Em muitos casos, o uso do recurso de jogos de palavras ou trocadilhos tem grande utilidade, mas é sempre preciso bom senso.

Algumas pessoas transformam tudo em música para memorizar, convertendo o conhecimento num som ritmado. Outra forma é utilizar ícones, imagens ou palavras.

Por fim, procuramos identificar qual das técnicas seria mais indicada para o objetivo e para o apresentador, e assim realizamos muito treinamento do que será dito.

A memorização garante a espontaneidade

Estar tranquilo e confortável com o tema é um sonho para quem se apresenta de alguma forma, por isso, memorizar o que precisa ser dito é uma ferramenta que garante a espontaneidade.

Como eu disse antes, são inúmeras as técnicas que podem ser utilizadas por quem deseja memorizar um discurso ou alguma situação de comunicação. O importante é descobrir qual técnica funciona melhor para você e assim criar hábitos que facilitem a aplicação delas.

A boa memória não é dom, mas sim uma habilidade que pode ser desenvolvida e melhorada com treinamento dirigido a qualquer pessoa que não tenha alguma doença que afete as funções cognitivas.

Saber o que será falado traz sensação de calma, por isso comece o processo de memorização pela introdução. Memorizar a conclusão do discurso também é importante, pois evita que se repitam as mesmas informações, cansando o público.

Para ser bem-sucedido na comunicação, o treinamento em oratória é  crucial, pois lá exploramos as técnicas de memorização mais eficientes para área da comunicação e podemos juntos traçar a melhor estratégia para as necessidades específicas de cada profissão ou pessoa.

É isso, speaker! Espero ter ajudado você a conseguir entender sobre a importância de treinar a mente para armazenar informações, saber verbalizá-las de forma clara e concatenada, criando uma mensagem atraente e que cativa seu público.

 

 

Nosso blog

Últimas postagens

Comunicação Magnética

Comunicação magnética refere-se à habilidade de atrair e manter a atenção das pessoas de forma eficaz, fazendo com que se sintam engajadas e conectadas com

Ler mais »

Oratória em Diversos Contextos

A oratória é uma habilidade versátil e essencial em vários aspectos da vida, desde o ambiente profissional até eventos sociais e políticos. Cada contexto apresenta

Ler mais »